Bread baking day e um pão lindo de morrer

Bem sei que está calor por aí e que de facto não apetece muito ligar o forno nem passar muito tempo na cozinha. Mas pensem  no sucesso que vão fazer quando aparecerem na praia ou  num piquenique de amigos com sandes deste pãozinho tingido de cor-de-rosa.

A massa é muito simples e feita com farinha de trigo e um pouco de fermento de padeiro, o sabor da beterraba é  quase imperceptível, e por isso mesmo que não partilhem comigo a paixão por este vegetal, não deixem de experimentar esta receita.

Preparei a massa toda usando o meu processador de alimentos, é a forma mais simples de fazer a receita, mas podem ralar as beterrabas e fazer a massa à mão ou com a batedeira.

Aproveito esta sugestão para participar no BBD#50  que este mês tem como tema Pães com vegetais e está a decorrer até dia 1 de Junho no blogue From Snuggs Kitchen

A quantidade de farinha pode variar um pouco dependendo das vossas beterrabas, a massa deve ter a consistência de uma massa de pão normal, macia e leve.

Ingredientes: ( um pão de aproximadamente 500 gramas)

  • 170 gramas de farinha de trigo integral
  • 150 a 200 gramas de farinha de trigo para pão  (um pouco mais para a bancada)
  • 1 colher de chá meio cheia de fermento de padeiro em pó/granulado dissolvido num pouco de água tépida
  • 2 dl de água
  • 2 colheres de chá de sal
  • 1 colher de sopa de azeite
  • 180 gramas de beterrabas raladas (beterrabas cruas)

Preparação:

Ralem as beterrabas, reservem.

No tigela do processador e usando a lamina ou pá de amassar, coloquem  170 gramas de cada farinha, o sal, azeite, água e o fermento dissolvido.

Processem até a massa se descolar das paredes da tigela. Acrescentem as beterrabas e voltem a processar.

Coloquem a massa numa superfície levemente enfarinhada,  se acharem o preparado demasiado húmido, acrescentem aos poucos farinha e amassem bem. O resultado final deve ser uma massa leve e maleável, que não se pega demasiado às vossas mãos.

Deixem a massa repousar numa tigela levemente untada com azeite durante 45 minutos ou até que duplique de volume.

Cuidadosamente deixem a massa escorregar da tigela para a vossa bancada. Com as pontas dos dedos apertem a massa de modo a que esta perca um pouco de ar.  Dêem à massa um formato arredondado.

Coloquem a massa no tabuleiro do forno forrado com papel vegetal. Deixem a massa levedar mais 30 minutos.

Aqueçam o formo a 210 ºC.

Com uma lâmina ou faca muito afiada façam um cortes na superfície da massa.

Cozam durante aproximadamente 45 minutos. Para testar se o pão está cozido, retirem-no do forno, virem-no sobre um pano e com os nós dos dedos batam na parte de baixo do pão. Devem ouvir um som seco e quase oco.

Este teste pode parecem complicado, mas vão ver que com prática se torna quase instintivo.

Não se esqueçam de deixar o pão arrefecer bem antes de o cortar em fatias!

19 thoughts on “Bread baking day e um pão lindo de morrer

  1. Ana,
    Eu bem que gostava de gostar muito de beterraba, mas só gosto um bocadinho. Mas vou-me esforçando. Ainda ontem comprei meia duzia delas para assar ou cozer e depois usar em sopas e saladas. Agora tenho ainda este pão lindo que bem pode acompanhar as minhas marmitas (esta semana trago o “teu” quickbread…uma delicia em sabor e consistência).
    Beijinhos

    Like

  2. Hum… pão com vegetais!! Acho que vou tentar participar! O teu ficou com uma cor no mínimo curiosa! Por mim, deitava a mão a essa fatia maravilhosa da ultima foto tal e qual como está, assim com esse queijo que eu adorooo!!
    Bjs

    Like

  3. Gosto deste pink bread. E embora ontem tenha trocado o leite com café e o pão torrado com manteiga por leite fresquinho com cereais, hoje o tempo refrescou e um pãozinho assim é uma óptima ideia. Deve dar para utilizar outras coisas certo? Cenoura, maçã… apesar de eu adorar beterrabas. Com queijo feta, de preferência :p

    Like

  4. Olha que pão tão maravilhoso, com a beterraba! Adorei, Ana, ficou lindíssimo e deve ser excelente, gosto muito da ideia de juntar vegetais ao pão!
    Com calor ou com frio, nunca pode faltar o pãozinho :)
    Beijocas:)

    Like

  5. oláa ana,
    que lindo que ficou o teu pão de beterraba. na minha opinião um casamento improvável mas que promete. beijos

    Like

  6. Junto-me ao clube das não muito apreciadoras das mal amadas beterrabas. Posso passar “séculos” sem lhes tocar… comem-se, mas passo bem sem elas. :p
    Já o teu pão, ficou lindo… abre o apetite e dá vontade de comprar quilos de beterraba só para o fazer. Fiquei curiosa com esta combinação.
    Beijinhos tricolores!

    Like

  7. Bem, estou mesmo desatualizada … :S
    Começo por dizer que me apaixonei por este pão… que fabuloso! E beterraba é um alimento tão rico e importante!
    Será que consigo enganar o Nuno e dizer-lhe que usei corante alimentar :P??

    Like

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s