Sorbet de morangos e a receita base

Esta é a receita base para sorbet que usamos no restaurante. Neste quase ano e meio já usei inúmeras variações e sabores para esta receita, morangos, limão, framboesas, amoras, mirtilos, xarope de sabugueiro, ruibarbo, grenadine….

DSC_0070a
Com esta receita podem usar um xarope de frutos ou um puré. Os xaropes de frutos como sabem contêm uma grande percentagem do açúcar e por isso é possível que o resultado seja uma espuma gelada e não um sorbet. (o que também resulta bem)
Não se esqueçam portanto de que açúcar e álcool influenciam a estrutura do sorbet impedindo-o de congelar completamente. Nas receitas de gelado é a gordura das natas e das gemas que contribuem para a cremosidade da sua textura, nos sorbets, feitos apenas de fruta, água e açúcar, precisamos mesmo deste último ingrediente ou acabamos com um bloco de gelo.

DSC_0066a
A receita que vos apresento contem gelatina e glucose. A gelatina ajuda o sorbet a manter melhor a forma quando servimos, e a glucose evita que se formem cristais de açúcar quando fazemos o xarope, mas pode ser substituída por xarope branco, ou pelo seu peso por açúcar. Já sabem que nunca se mexe um xarope a ferver para evitar que cristalize e acabemos com torrõezinhos de açúcar.

DSC_0073a
Para os purés de fruta usamos frutos congelados. E esta é uma excelente forma de comermos morangos ou amoras no inverno. Aquecemos apenas as frutas com um bocadinho de açúcar, dependendo da acidade da fruta. Não queremos o puré doce, mas não pode ser azedo… Depois misturamos o puré usando um processador ou a varinha magica e passamos tudo por um passador fino.
Ingredientes:
Xarope de açúcar:
2,5 dl água
60 g de glucose
340 g de açúcar
Levem os ingredientes ao lume, sem mexer até o açúcar estar dissolvido.

Sorbet:
300 g de puré de frutos
180 g de xarope de açúcar
1 colher de sopa de sumo de limão
1 folha de gelatina demolhada

Preparação:
Levem ao lume o xarope de açúcar e puré até a mistura levantar fervura. Retirem do lume, deixem arrefecer um pouco e acrescentem a gelatina e o sumo de limão. Gelem seguindo as indicacões da vossa sorveteira.

Três vezes gengibre e os meus domingos

Lembro-me dos domingos de criança. Era a primeira a acordar, e sem mais nada para fazer, via a missa na televisão enquanto esperava que a minha mana, que sempre foi dorminhoca, acordasse para podermos brincar. A televisão era ainda a preto e branco, a alcatifa da sala verde seco, e os sofás felpudos amarelo mostarda. Havia uma pele de vaca no chão, candeeiros, estantes e mesas feitas pelos meus avós e o meu pai. À direita o gira discos enorme, estilo armário, com os discos dos Bee Gees da minha mãe.

DSC_0087a

Almoçávamos muitas vezes em casa dos avós e por lá ficávamos a ver as longa metragens do SandoKan ou do Tarzan. Ao lanche, torradas e chá, uma fatia de bolo certamente feito pela minha tia.

DSC_0090-2a
Passados tantos anos já não sou a primeira a levantar-me. Às cinco da manhã começa a correria dos meninos que querem comida fresca, as torneiras abertas para beberem e brincarem com a água. Querem colo, querem brincar, e como são gatos não há como os mandar ir ver os desenhos animados.

DSC_0094a
O viking levanta-se antes de mim, eu trabalho até tarde aos sábados e como recompensa há sempre café e muitas vezes um pequeno almoço na cama enquanto eu leio ou estou um bocadinho mais na ronha. Hoje o viking saiu cedo para o golfe. Eu fico com os meninos na cozinha, testei receitas, tirei fotografias, queria fazer um filme mas tenho uma queimadura feia, feia na minha mão direita, (ossos do ofício) que não  quero passada para a posteridade.
Para o lanche, e ainda que sem os antigos filmes a preto e branco do Tarzan, fiz este bolo de gengibre e xarope dourado. Sou doida por gengibre, e para além de fresco costumo ter em casa gengibre cristalizado, em calda de açúcar e seco. Ah e chá! E doce de gengibre!

DSC_0089-2a
Esta receita é fácil, fácil e se tiverem todos os ingredientes em casa em minutos preparam um bolo deliciosos para o vosso lanche de domingo.

Bolo de gengibre e xarope dourado

Ingredientes:
150g de manteiga
130g de xarope dourado
30 g de xarope escuro ou melaço
50 g de açúcar mascavado
170g de farinha de trigo
1/2 colher de chá de bicarbonato de soda
1/2 colher de chá de sal
2 ovos
130ml de leite
30 g de gengibre cristalizado picado
1 colher de café de gengibre em pó
Gengibre em calda para decorar
Preparação:
Aqueçam o forno a 160°C. Barrem uma forma de bolo inglês e forrem-na com papel vegetal.
Num tachinho levem ao lume os xaropes, açúcar, manteiga e gengibre seco. Assim que derreter acrescentem o leite e os ovos batidos. Misturem este preparado aos restantes ingredientes, deitem na forma e levem ao lume durante aproximadamente 40 minutos ou até estar pronto.
Desenformem e decorem com gengibre em calda e um pouco mais de xarope dourado.