pão, sourdough

Sourdough – amantes e massas suaves

“Esta noite,

Como muitas sem amante,

Vou fazer pão

Enterrando os nós dos dedos

Na massa suave” – haiku de Patricia Donegan

 

E ainda bem que tenho o amante, porque enterrar os dedos na massa suave, nem por isso…

Mais uma, a quarta, tentativa falhada de fazer este pão. Um dos problemas, reconheço, prende-se com a minha teimosia e determinação em não usar quaisquer outros ingredientes que não sejam água e farinha para a preparação do starter.

Ainda assim penso que vou no bom caminho, o starter borbulhou, a minha sponge levedou bem e rapidamente, só o resultado final deixou a desejar, tanto no que diz ao aspecto como ao sabor.

Para a semana nova tentativa.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

w

Connecting to %s