bolinhos e bolachas · comida sueca · Natal

Massa de Pepparkakor para casinhas e outras construções com receita para “cimento” e “tinta das paredes”

Dia 9 de Dezembro festejamos na Suécia o dia do nome Ana (vejam aqui quando é o dia do vosso nome), e graças às Bolachas Anna,  este é também o dia das bolachas pepparkakor (bolachas de pimenta), as bolachas de especiarias tão tradicionais nesta época.

No Natal passado publiquei já várias receitas destas bolachinhas e a sua história, se quiserem saber mais:

Este ano deixo-vos uma receita de pepparkakor especial para a construção de casinhas. É uma massa sem ovos e que cresce pouco, o que faz com que as paredes e telhado mantenham a forma original.

Para colar as diferentes partes e decorar as casinhas há cremes próprios. Tomem atenção que se as vossas casas (as casas onde moram 🙂 ) são húmidas o açúcar do “cimento” derrete e as casas desmancham-se.

Eu faço as bolachas simples porque não posso levar uma casinha já montada para o Natal em Portugal. Se entretanto lá fizermos casinhas com a minha sogra, coloco aqui umas fotografias.

A margarida Milda, aparece todos os anos com novos cortadores de bolachas e construções em pepparkakkor. Aqui estão as do ano passado, basta imprimir o documento em formato A4, recortar as várias partes, usá-las como molde, cozer as bolachas e colá-las. São construções mais complicadas, atenção que algumas partes devem ser recortadas várias vezes (2st = 2 partes, por exemplo) As instruções estão em sueco, mas não tem nada que saber, ainda assim se precisarem de ajuda, já sabem 🙂

tag – comboio

robot

karusell

E a receita de hoje:

 Pepparkakor – (receita da revista de Natal do Maxi Ica)

(faço apenas 1/3 desta receita para  3 tabuleiros)

Ingredientes:

Para as bolachas:

  • ·       270 gramas de açúcar
  • ·       2 dl de xarope (alternativas aqui)
  • ·       100 gramas de manteiga ou margarina
  • ·       4 colheres de chá de canela em pó
  • ·       2 colheres de chá de gengibre em pó
  • ·       3 dl de leite
  • ·       2 colheres de chá de bicarbonato de sódio
  • ·       1 kg de farinha

Para colar as difentes partes das construções:

  • ·       1 dl de água
  • ·       180 de açúcar
  • ·       1 colher de chá de glucose líquida

Para decorar:

  • ·       1 clara de ovo
  • ·       4 dl de  icing sugar (não sei quanto pesa, as receitas suecas usam muitas vezes o dl como medida em vez de pesar ingredientes)
  • ·       1 colher de chá de sumo de limão

Preparação:

Bolachas

Na véspera:

Misturem o açúcar, o xarope e a manteiga numa caçarola. Levem ao lume a derreter, juntem as especiarias. Acrescentem o leite. Deitem o preparado numa tigela grande e deixem arrefecer.

Acrescentem o bicarbonato e a farinha, misturem bem. Cubram a massa com película aderente e reservem  no frigorífico durante a noite.

No dia de cozer as pepparkakor:

Aqueçam o forno a 175ºC.

Forrem vários tabuleiros de forno com papel vegetal.

Com um rolo da massa estendam a massa, sobre uma superfície enfarinhada ou entre dois pedaços de película aderente, até esta ter uma altura de 3 mm. Recortem a massa usando cortadores, transfiram com muito cuidado as bolachas para os tabuleiros. Cozam durante durante 8 a 10 minutos.

(Se estão a fazer bolachas para construir casinhas, estendam a massa directamente nos tabuleiros e retirem o excesso à volta das “paredes”.)

Preparado para colar as construções de pepparkakor

Misturem a água, o açúcar e a glucose num tachinho e levem ao  lume até engrossar um pouco.

Mergulhem as arestas das várias partes das vossas construções neste “cimento”. Com cuidado vão unindo os pedaços das casinhas e reforçando o interior das uniões com mais “cimento”.

Se a pasta arrefecer e ficar demasiado dura para ser usada, voltem a aquecê-la ao  lume.

Pare decorar:

Misturem os ingredientes até obterem a consistência que desejam, podem precisar de um pouco mais ou menos de icing sugar dependendo do tamanho da clara. Coloquem o preparado num saquinho de pasteleiro e está pronto a usar.

9 thoughts on “Massa de Pepparkakor para casinhas e outras construções com receita para “cimento” e “tinta das paredes”

    1. Já estou a investigar, se encontrar alguma coisa acrescento no post e deixo-te uma mensagem. Há pessoas que usam a “tinta” como ” cimento”, mas é muito menos resistente. Hoje passo pela minha sogra e pergunto-lhe tb. A minha irmã e eu usamos uma vez caramelo, mas acaba por derreter, não foi nada boa ideia.

      bjs

      Gostar

  1. Eu fico deliciada com as receitas das tuas bolachas. Já estou inquieta para começar a fazer bolachas com especiarias e estas são muito interessantes. Ainda não fiz as outras que te tinha dito que ia fazer… não tive tempo ainda, mas quando começar nessa lida vai tudo a eito.

    beijinhos

    Gostar

  2. Eu delicio-me com as visitas que faço aqui! Adoro este tipo de bolachinhas com especiarias natalícias, ando a pensar fazer umas, vou ver melhor as tuas receitas. Muito interessante.E um bom dia da Ana 🙂
    Um beijinho.

    Gostar

  3. Só muito recentemente comecei a fazer bolachas. Fiz com o meu filho, de três anos, e foi um serão muito animado. Quando as aulas acabares, quero repetir. Se calhar venho buscar uma receita das tuas 🙂 Beijinhos
    P.S.: O blogue está muito giro, com a decoração natalícia.

    Gostar

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s