Uma semana mais curta e uma receita batoteira

Começo esta semana, em que todos fazemos planos e nos preparamos para umas mini férias, com uma sugestão muito simples da qual já vos falei por alto aquando da celebração do aniversário da Mané. O curd batoteiro é cremoso e leve, amarelinho e quase fresco, ideal para saborear nestes dias de Sol e na contagem decrescente para a Páscoa.

Por ser tão simples e versátil, corro o risco de quase repetir uma receita que publiquei ainda o mês passado, mas penso que vale a pena dar a este curd um pouco mais de destaque.

Feito com muito menos gordura e com a ajuda de um pouco de farinha custard, este curd é para além de menos pesado, muitíssimo mais fácil de preparar do que o curd tradicional.  Para esta versão usei sumo de toranja e lima, mas podem utilizar sumo de qualquer citrino ou até de framboesas.

Para além de ser perfeito com Ris à la Malta, uma sobremesa diferente  e deliciosa que fará se  a quiserem experimentar sucesso na vossa mesa de Páscoa, podem  usá-lo para rechear bolos, acompanhar gelados ou scones. Um frasquinho deste curd com scones ou biscoitos  faz um excelente presente caseiro.

Ingredientes:

  • 2 ovos
  • 75 gramas de açúcar
  • Raspa de uma lima
  • Sumo de 1 toranja e 1 lima (2,5 dl no total)
  • 2 colheres de sopa de manteiga
  • 1 colher de sopa de farinha Maizena ou Custard

Preparação:

Numa tigela coloquem metade da raspa da lima. Por cima da tigela coloquem um passador de rede.

Num tachinho de confiança (aquele que sabemos que não pega), misturem o açúcar, a farinha,  um pouco do sumo de fruta, os ovos batidos e metade da raspa da lima. Misturem bem para evitar grumos, acrescentem o resto do sumo e levem a lume médio sem parar de mexer. Em minutos vão começar a sentir o preparado a engrossar, continuem a mexer sempre até conseguirem ver o fundo do tachinho. Retirem do lume,  acrescentem a manteiga batendo bem.

Passem o preparado pelo passador de rede. Para evitar que  se forme uma “pele” na superfície do curd, cubram-no com película aderente enquanto arrefece. (O plástico tem de estar em contacto com o curd.)

Coloquem em frascos e guardem no frigorífico.

23 thoughts on “Uma semana mais curta e uma receita batoteira

  1. Gosto tanto de curd de limão🙂 A toranja e a lima devem dar um óptimo sabor e aroma🙂 E só com 2 ovos🙂 que bela batota🙂 um beijinho e boas mini-férias🙂
    ( recebi o teu comentário no post do gelado, no dos brownies não!🙂

    Gosto

  2. Ana, acho que te esqueceste dos ovos: devem ser misturados com o açúcar, logo no início, certo?
    Tenho que experimentar esta coalhada light, normalmente faço a tradicional mas leva muitos ovos e muita manteiga, esta parece-me bem melhor (já pensei o mesmo quando a publicaste da última vez). E dá uns lindos frasquinhos de oferta agora para a Páscoa🙂

    Quanto ao pão, não podia desistir, até porque é um método muito simples e permite muitas variações. Quando comprava pão, ia a uma loja/restaurante macrobiótico onde vendiam pão de arroz ou de alfarroba, ambos deliciosos. Portanto, o meu objectivo agora é conseguir com este método reproduzir estes pães que ainda não consegui com a MFP. Além de que tenho que ser sincera: assim sai muito mais em conta e controlo o sal que coloco. Já para não falar não dependo da oferta do padeiro :p

    Gosto

  3. Upssyyyy… Já corrigi😉
    Para mim o melhor de fazer pão e tudo o que posso em casa, é mesmo saber o que estamos a comer. E como vemos isso não quer dizer necessariamente que passemos horas sem fim na cozinha🙂

    Gosto

  4. Ana,
    Como eu gosto destas versões simples. Adoro curd mas como as receitas tradicionais pedem muita manteiga e ovos nunca faço. Agora já não tenho desculpa.
    Beijinhos

    Gosto

  5. Ana, o que eu gosto destas tuas receitas! Esta vai já comigo para experimentar, andava a pensar fazer um curd pela receita tradicional, mas gostei mais desta tua, mais saudável e light!! É excelente com iogurte e bolacha, naquelas alturas em que somos atacados por uma gulodice súbita e temos que fazer uma sobremesa rápida! Lol😀
    Para além de combinar com um sem fim de outras receitas e fazer umas lindas ofertas! Gostei dessa sugestão dos scones:)
    Beijocas e boa semana🙂

    Gosto

  6. Ana!!!!!!!!!!!!!
    Não vais acreditar!!! Ontem fiz curd (pela primeira vez, já sabes que de velha é só na idade😉 ) e estava a pensar postar esta semana… (se tivesse visto esta receita …mas vou ficar com ela na minha mira. ( o meu curd é para o bolo de ruibarbo (sim também a minha primeira experiência naquele vegetal – vou postar mas não sei qdo…
    Beijocasss🙂

    Gosto

  7. E o meu quintal que está carregadinho de laranjas e limões!
    Tenho fugido ao curd por me parecer carregado de manteiga, mas este teu não Ana!
    Só dás boas ideias…e para mim assim, com uns scones ao lanche, perfeito.
    Um beijinho.

    Gosto

  8. Ana, não vais acreditar… mas nunca fiz curd!!! ): Agora depois de ter visto a tua versão percebi que se pode fazer com outras frutas sem ser com limão. Assim que o meu limoeiro começar a dar limões pode ser que me aventure :9
    O teu ficou com uma consistencia e uma cor magnífica🙂

    Beijinhos

    Gosto

  9. Olá Ana. Costumo fazer o lemon curd para recheiar bolos e todos adoram. Utilizo o truque da farinha de custard quando faço massas doces, arroz doce ou leite creme. Ficam amarelinhos e corto nos ovos. Coisas que aprendemos umas com as outras.
    Espero que a vossa Páscoa tenha sido uma pausa agradável e doce q.b.
    Um abraço
    Patrícia

    Gosto

  10. Pingback: bolo+curd+fruta=trifle « panela sem (de)pressão

Deixar uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

WordPress.com Logo

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Log Out / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Log Out / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Log Out / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Log Out / Alterar )

Connecting to %s