A minha vida na Suécia · bolos e sobremesas · Doces, conservas e compotas · Mark Bittman

Clementinas confitadas com especiarias e o preço das tardes livres

Confitar, ou cozinhar os alimentos em temperaturas muito baixas durante um longo período, é uma técnica antiga e deliciosa que nos ajuda a preservar comida.

dsc_0199-2

Esta é uma altura perfeita para estarmos na cozinha com o forno e o fogão ligados, enquanto nos deliciamos com os aromas que se espalham pelas nossas casas e anunciam aos poucos o Natal. Aqui já começou a nevar…

dsc_0201-2

Como se lembrarão só comecei a trabalhar no horário da manhã em Marco do ano passado e ainda não me tinha apercebido da dificuldade de sair de casa às 4.25 a.m. durante o Inverno. Esta semana acordei com uma luz estranha no quarto às três da manhã, uma espécie de claridade a meio da noite, estava a nevar, muito. Começa a andança dos taxis, de nunca saber se eu ou um dos meus colegas vai chegar atrasado ou ficar retido em casa.

dsc_0205-2

Eu, como sempre tenho pouco do reclamar, e há dias em que acabo o meu turno às 13.30,  e se houver sol até consigo tirar umas fotografias para a padaria ou dar um passeio, mas a que preço meus amigos, a que preço.

dsc_0198-2

 

A receita de clementinas confitadas é muito fácil de preparar, pode ser usada de inúmeras formas, e é um presente caseiro perfeito para foodies e gulosos em geral.

Desde que fiz há alguns anos a receita de Confit Oranges de Mark Bittman, não passo um Natal sem preparar um grande frasco destes frutos doces, carnudos e deliciosos.

dsc_0200-2

Este ano em vez de laranjas usei clementinas, e acrescentei especiarias da época.

Usar frutos mais pequenos e com a casquinha mais fina, corta o tempo de preparação em metade, mas preparem-se porque ainda demora…é o preço da perfeição.

dsc_0207-2

 

Clementinas confitadas com especiarias

 

Ingredientes:

  • 8 clementinas
  • 700 g de açúcar
  • 1 pau de canela
  • 6 cravinhos
  • 1 anis estrelado

 

Preparação:

Levem um tacho com agua ao lume, quando levantar fervura acrescentem as clementinas, contem 30 segundos, retirem as fritas e deitem fora a água. Repitam a operação.

No mesmo tacho coloquem as clementinas, metade do açúcar, cubram com água e levem ao lume. O lume tem de estar no mínimo, sem ferver, só com umas borbulhinhas a vir à superfície de vez em quando. Vão acrescentado água para as clementinas estarem sempre cobertas.

Passadas 4 horas, retirem os frutos, descartem a calda de açúcar, que deve agora estar bastante amarga, e repitam a operação com o restante açúcar, confitando durante mais 4 horas. Na meia hora final acrescentem as especiarias.

Depois do preparado frio guardem-no num frasco esterilizado, no frigorifico.

 

Notas: Eu retiro o anis estrelado antes de colocar as clementinas no frasco porque acho que o sabor desta especiaria é muito forte.

É importante que as clementinas estejam sempre cobertas com a sua calda

Algumas sugestões para servirem estes frutos são por exemplo: gelado de baunilha ou chocolate, bolos de especiarias, panetone, ou até carne assada. (se tiver muita coragem, muita mesmo, ainda talvez tente fazer o bolo de Natal de Heston Blumenthal que tem uma clementina, ou uma laranja inteira dentro, vejam aqui.)

3 thoughts on “Clementinas confitadas com especiarias e o preço das tardes livres

  1. Ui, se já me custa levantar às 6 e 10 nem sei como será às 4… e para enfrentar neve!
    Mas pronto, consola-me saber que ‘essas’ casas devem ser melhor aquecidas que as nossas e que por volta das 13 estás ‘despachada’ (aqui há dias das 7 às 7 na rua…😛
    Eu acho essas receitinhas lindas (embora pense que, cá em casa só eu ia gostar do Hidden Orange Christmas pudding) e gostava de experimentar as tangerinas mas 8 horas é muita fruta para mim…ou muito gás.
    PS-Passo a vida a olhar para a foto da tua estante e a roer-me de inveja…(parto do princípio que aquilo é tudo “de cozinha”, certo?)… ia perguntar se recomendavas algum livro do Blumenthal para começar mas já vi que tens todos ou quase! lolololol
    Bj😀

    Gostar

    1. Olá!
      Essa estante é só comes e bebes 🙂
      Tenho todos os livros do HB, alguns foram presentes do Magnus, ele qd não sabe o que me comprar vira-se para o meu outro amor que é o Heston, agora que acabaram os livros não sei o que mais vai fazer.
      O meu favorito é o Historic Heston, porque é mt bonito, mas é enorme e tao tao pesado. Foi uma surpresa do rapaz 🙂
      O heston Home é mt pratico e com receitas mais para amadores. Se queres uma prenda para a tua mini, o livro do fat duck é o mais giro.
      beijinhos e boa semana 🙂

      Liked by 1 person

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s