bebidas

Pumpkin spice latte feito em casa e sem açúcar…. era a ideia

Sabemos todos, estamos na época do Pumpkin spice latte do Starbucks, e quer queiramos ou não, quer finjamos que somos muito hipsters e nunca vamos ao Starbucks, quer achemos e com muita razão que estas bebidas  são caras que se fartam, tudo menos café e carregadinhas de açúcar, não há como lhes resistir.

dsc_0218-psd

dsc_0216

dsc_0213

Eu adoro esta mistura de especiarias, e quando ainda lhe acrescentamos café, e chantilly, dificilmente poderemos melhorar esta sobremesa liquida, a não ser que seja sexta-feira à tarde e precisemos muito de uma bebida.

dsc_0217

Sim meus amigos, a intenção era boa, um latte sem açúcar, um bocadinho menos calórico e mais saudável, até ter olhado para a garrafinha de rum.

dsc_0215

Não preciso de dizer mais nada, acrescentem depois do latte quentinho tanto rum quanto a vossa sexta-feira pedir, ou tenham a força de vontade e determinação que hoje me faltaram  e aproveitem este latte delicioso sem pesos na consciência e na balança.

dsc_0212

dsc_0211

Pumpkin spice latte estilo do Starbucks mas sem açúcar e com abóbora a sério

 

Duas canequinhas

Ingredientes:

  • 5 colheres de sopa de puré de abóbora (asso no forno a abóbora e processo)
  • 1 pitada de sal
  • 1 colher de café de canela
  • 1 pitada de noz moscada
  • 1 pitada de cravinho
  • leite ou substituto vegetal
  • 2 shots de café

e para quem quer estragar o latte “light”

  • rum
  • chantilly

Preparação:

Aqueçam o leite com as especiarias e o puré de abóbora. Quando levantar fervura tapem o tachinho com uma tampa ou película aderente e deixem criar uma infusão.

Antes de servir, voltem a aquecer e juntem o café e o rum.

Passem a bebida por um passador para as canequinhas e decorem com o chantilly e um salpico de canela.

2 thoughts on “Pumpkin spice latte feito em casa e sem açúcar…. era a ideia

  1. Que grande chatice que isto me pareça tão bom!
    Vou sorrateiramente comprar abóbora mostrar isto à minha ‘mini’. Esta semana, na aula prática de ‘serviço de restaurante/bar’ aprendeu a fazer irish coffee e vinha entusiasmada… pode ser que a tente a experimentar(-me) este. ❤
    E sim, as bebidas são caríssimas mas 'toda a experiência' faz-nos voltar para lá. A 'mini' adora que me vá lá sentar com ela. Eu a ler e ela a desenhar, a beber 'estas' cenas. 😉

    Gostar

  2. Bom, a mim o Starbucks passa-me completamente ao lado – e de hipster n tenho mm nada eheheheh – porque não gosto deste tipo de bebidas devido ao… açucar!! São demasiado doces, penso eu,pois nunca bebi nenhuma, mas cheirei uma e o aroma era mm de coisa demasiado açucarada para mim. Mais a mais, o preço é proíbitivo para a minha pessoa, mesmo, n teria como pagar isso e saber que com esse dinheiro comprava frutas e legumes para o puto durante uma semana ahahah. Mas lá que estes teus estão lindos, estão, e o rum, já sabes, mexe mesmo comigo ahahah. Ando sempre a dizer que em mim vive um irlandês bezano, uma mamma italiana e uma valquiria viking mas cheira-me que estou mais para Captain Jack Sparrow do que para Brynhildr… (na verdade Anne Bonny, devo ter sido a Anne noutra reencarnação lol!!)
    https://bloglairdutemps.blogspot.pt

    Gostar

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s