A minha vida na Suécia · Ana - cozinheira · Cremes, molhos, gelados e mousses

Creme de Avelãs caseiro passo a passo, os paizinhos suecos e regras que se fazem para ser quebradas.

Com Junho começa a época de Verão no Hotel. Há mais hóspedes, famílias, crianças aos gritos e a meter os dedos na comida dos buffets. Neste país não se contraria uma criança. “Queres ir brincar para as escadas, vai” “Queres ir correr para o corredor de serviço sujeito a levares com um tabuleiro quente cheio de bacon pela cabeça? É por ali.” O que os pais não querem é ser incomodados enquanto comem, e as meninas do pequeno almoço, começam por estes dias a dobrar como amas.

DSC_0013

Falo um pouco sem saber dirão vocês, mas imagino por vezes em que tipo de adultos se tornarão estas crianças. A minha sobrinha é ainda “pipinha”, faz as suas birras, aborrece-se quando estamos todos a conversar numa língua que ela não entende, mas não lhe passa pela cabeça  sair do quarto de hotel em pijama e descalça sem lavar sequer a cara. (nem a minha mana permitiria tal coisa.)

Quando eu era miúda  estava proibida de responder “não”, aos meus pais, nestes dias são os progenitores que não podem recusar seja o que for aos meninos.  (A alguns meninos ok, bem sei que ainda há pais que são pais, não companheiros de brincadeira.)

DSC_0009

Só há, sabemos todos, uma maneira de manter estas famílias caladas, algumas delas, pelo menos, é dar-lhes comida, muita. Waffles, bacon, panquecas, ovos…e  nutella.

A nutella tem sido no nosso hotel uma dor de cabeça. Este creme de avelas e o foie gras são dois dos produtos que vão contra os princípios do grupo scandic e que por isso estamos proibidos de servir. A Nutella por causa do óleo de palma, e o foie gras pela forma como é feito.

Há hotéis que já começaram  a servir nutella directamente dos frascos, e eu imagino que chegando a Julho, quando num hotel tao pequeno como o nosso com pouco mais de cem quartos, servimos diariamente o pequeno almoço a 250 hospedes esfomeados, acabemos por deitar os bons princípios às urtigas, e nos rendamos aos baldes de nutella. Mas por enquanto fazemos o nosso próprio creme de avelas.

DSC_0020

Dá mais trabalho e custa cinco vezes mais dinheiro só nos ingredientes, mas é infinitamente melhor. Esta é a receita que uso no restaurante e em casa e que partilho hoje convosco. É muito menos doce do que as outras receitas que experimentei, e como não tem leite nem manteiga pode ser conservado fora do frigorífico.

A Ferrero tem vindo a usar óleo de palma que não contribui para a desflorestacao do planeta, mas a quantidade de açúcar  é enorme quando comparada com os míseros 13% de avelãs!

Nesta receita eu uso um pouco mais de óleo de nozes (não encontrei de avelãs)  para ajudar a emulsificar o creme, mas em casa, e mesmo com um processador forte ou uma thermomixer, nunca vão conseguir fazer uma nutella tão macia como a industrial.

DSC_0013

Creme de avelãs caseiro

Ingredientes:

  • 150 g de chocolate amargo
  • 300 g de avelâs
  • 2 colheres de sopa de extracto de baunilha
  • 3 colheres de sopa de óleo de avelâs
  • 60 g de icing sugar
  • 1 colher de café de sal
  • 0.5 dl de água

Preparação passo a passo.

 

  • Num processador de alimentos misturem as avelas tostadas e sem pele e  icing sugar, processem até obterem uma massa que se parece com areia molhada.

IMG_0132.jpg

  • Misturem  metade do oleo, a água  e a baunilha e voltem a processar

IMG_0133.jpg

 

Processem até a pasta se tornar num creme.

IMG_0134.jpg

 

  • Derretam o chocolate, podem usar o micro ondas 30 segundos de cada vez.

IMG_0135.jpg

  • misturem o chocolate ao creme de avelas. Processem durante um minuto. Acrescentem o restante óleo e voltem a processar mais um minuto. Guardem em frascos fora do frigorífico.

IMG_0137.jpg

One thought on “Creme de Avelãs caseiro passo a passo, os paizinhos suecos e regras que se fazem para ser quebradas.

  1. Adoro creme de avelãs mas não gosto da Nutella pq sabe sempre esquisio e é demasiado doce. deve ser do óleo de palma q me sabe esquisito, mas é coisa q raras vezes compro, talvez compre um frasquinho – de marca branca, normalmente – durante as férias de Verão em que me dou a luxos e a pecados q evito o resto do ano. Fiz uma vez em casa mas carambas, saiu tão caro q n voltei a repetir looool!!
    Isso dos filhos, ui tem tt q se lhe diga. Eu acho-me sempre a pior mãe do mundo, o meu filho comigo é rebelde, respondão, belicoso, teimoso q nem uma porta, temos zangas enormes de cinco minutos – depois desse tempo já ambos nos esquecemos de q estavamos chateados um com o outro – e eu acho sempre q estou a fazer dele um fdp dum péssimo ser humano. Depois ele vai á escola, ou a festas dos amigos, ou a outro tipo qq de actividades em q está c outras pessoas q n eu e toda a gente me vem dar os parabéns a dizer q o meu miúdo é super educado, de uma delicadeza e cordialidade fora de comum na idade dele, uma criancinha quase que perfeita e eu penso sempre: quem é a criança q tomou o lugar do meu filho nestes sitios, pq eu de certeza q n o conheço… ser mãe ou pai é do caneco, é sem dúvida a coisa mais desgastante e mais dificil q já fiz na vida, só de pensar na adolescência tremoooo. Mas depois lá vem o puto ter comigo, assim do nada, abraça-me, enche-me de beijinhos e diz adoro-te mãe, e eu penso q ele é a pessoa mais maravilhosa que já conheci na vida. Complicado.
    https://bloglairdutemps.blogspot.pt/

    Gostar

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s